segunda-feira, 24 de setembro de 2018

O Jardim Perene...



Eu amava aquele recanto
do jardim, onde o canto das aves
era manso como
uma conversa de vizinhos

E a reflexão das estátuas
infinita,
com seu olhar cabisbaixo
a fitar o gramado...

E ali eu cruzava 
as sombras da tarde
pontilhada pelos ipês floridos

Esquecido da minha
humana finitude,
neste mundo de despedidas...

Sobre Caminhos...

Tem caminhos que se acha, tem também caminhos que nos acham... Mas eu acho que tem  caminhos que se acha dentro, depois de muitas j...