sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Faz de Conta...













Vou te beijar
as mãos imaginárias
- Amor, Amor!...
e te declamar em
lindas palavras de
versos nunca escritos

Deitarei em teu colo
morno as flores
que não plantei
e te ofertarei segredos
escritos em cartas
que não te dei...

Serei o mais perfeito
amante imaginário
nesse universo utilitário
que não crê mais no Amor.

Sobre Caminhos...

Tem caminhos que se acha, tem também caminhos que nos acham... Mas eu acho que tem  caminhos que se acha dentro, depois de muitas j...