quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Sonâmbulo






















Tu chegaste
pela janela
com cabelos soltos,
com corpo de neblina,
com hálito de madrugada...


Vi-te em sonho
e quis abraçar-te,
mas como
já eras morta,
evaporaste!


Separação



E agora
que nossas estradas
são impossíveis de continuar


Eu sonho
com o teu futuro
- que não verei -
e rogo que realizes
tudo o que
tua alma desejou.


Agora, que apesar de nos amarmos,
não podemos nos entender
eu rogo que Deus
te tome nos braços
e te conceda todo o amor
que a criança em ti sonhou.


E, sobretudo, rogo
que o reconhecimento futuro
de nossos erros
não maltrate,
nem envenene,
nossos corações maduros...


Retrato de Família



























Minha família é pequena,
uma pequena tribo de vivos
que arrasta
uma legião de mortos.
Quase não há testemunhos,
quase não há fotografias.


Só um monte de histórias...
Será uma família imaginária?
Ou seremos ciganos solitários
sem pátria nem passado,
errantes desolados
atrás da terra prometida?...


Da Saudade























Teu olhar
como um farol
da existência
repousou sobre mim,
tão suavemente,
que o senti
como um abraço...


E me senti tão livre
e amado sem ser julgado,
que então me comovi

diante do teu retrato!

Íntima


Há um bosque em mim
onde tropeçam
sonâmbulos astrólogos
sondando os céus


e onde seres imaginários
vestem-se de sombras
e fogem por entre
escombros
de milênios...


Onde sacerdotisas
mui carinhosas
velam por mim...


Confiança



Deixei meu coração
à deriva

Com um bilhete de socorro

guardado em
cada batida...


(Tomara que ele retorne
antes da maré vazar...)


Destino

Vejo nas pessoas os arcanos que aguardam decifração,  elucidação, tradução e respectivo entendimento de si para si mesmo... E é just...